Zona Sul

Solenidade

Fogo Simbólico da Pátria chega a Pelotas

Por Assessoria , 20/08/2019, 15h54

Na manhã desta terça-feira, dia 20 de agosto, o vice-prefeito Idemar Barz participou da solenidade cívica que recepcionou a centelha do Fogo Simbólico da Pátria, em Pelotas, na sede do 9º Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMtz), onde ficará resguardada até dia 1º de setembro, quando inicia a Semana da Pátria. A chama também foi recebida pelo comandante do 9º BIMtz, tenente-coronel Júlio César Brito de Souza; pelo presidente da Liga da Defesa Nacional - Pelotas, André Luís Pereira; e pelo subcomandante do 4° Batalhão de Polícia Militar, major Augusto Ferreira Couto. 

“Esta centelha também é uma chama viva em memória daqueles que, com bravura, lutaram pela defesa da nossa pátria e nos permitiram estar aqui, hoje, reverenciando esta data especial. É uma honra participar deste momento”, declarou o vice-prefeito. 

A centelha chegou sob a escolta de veteranos da Polícia do Exército e foi entregue à cidade pelo coordenador do Eixo Sul do Fogo Simbólico da Pátria, Jorge Cescani. Idemar, o comandante do 9º BIMtz e o subcomandante do 4º BPM hastearam as bandeiras do Rio Grande do Sul, do Brasil e de Pelotas, respectivamente. Em seguida, a chama foi depositada na pira.

“É um orgulho para o Batalhão receber esta centelha e contribuir para esta ocasião tão significativa”, afirmou o tenente-coronel César. 

As secretarias de Educação e Desporto (Smed) e de Cultura (Secult) estiveram representadas, respectivamente, pela gerente do Departamento de Projetos Escolares, Fernanda Carneiro, e pelo chefe do Departamento de Manifestações Populares, Paulo Pedrozo. Também participaram do ato as guardas de honra da escola municipal Nossa Senhora de Lourdes e do Colégio Tiradentes. 

O Fogo Simbólico da Pátria surgiu em 1937, no Rio Grande do Sul, quando patriotas procuravam um símbolo que representasse o calor patriótico do povo brasileiro. O Fogo permanecerá no Regimento Tuiuti até o dia 1º de setembro, quando será conduzido até o Altar da Pátria, no Parque Dom Antônio Zattera, dando seguimento às celebrações da Semana da Pátria. 

Fotos: Michel Corvello/PMPel

Voltar Topo